Nas pegadas de Leonardo da Vinci (1452-1519)

Published on 26 abril 2016
  • © David Darrault

Nas pegadas de Leonardo da Vinci (1452-1519) Amboise fr

O castelo de Clos Lucé celebra de 2016 a 2019 o 500º aniversário da instalação do mestre na sua última morada.

Leonardo veio para França convidado por Francisco I, certamente depois da morte, em 1516, do seu protetor Julián Médicis.

Chegou à corte francesa aos 64 anos tendo-lhe sido oferecido alojamento na casa senhorial de Cloux (Clos-Lucé) por uma renda de 700 escudos de ouro.

Dedica o seu tempo ao desenho e ao ensino nas áreas de canais, urbanismo e arquitetura, etc.

Alguns autores atribuem-lhe o projeto do Palácio de Romorantin e de algumas partes do Castelo de Chambord.

Íntimo do rei, teria imaginado para este algumas “distrações” como a Festa do Paraíso, em 1518, uma das mais célebres cuja engenhosa maquinaria reproduzia a corrida dos astros.

Leonardo morreu no casarão de Cloux a 2 de maio de 1519 e foi sepultado, por sua vontade, na colegiada de São Florentino do castelo de Amboise.

No século XIX os seus restos mortais foram trasladados para a capela de Santo Humberto depois da demolição da colegiada.

 

 

 

Mais informações