Paris: dicas sobre transportes

  • Paseio de bicicleta

    Paseio de bicicleta

    © Diário da Pikitim

  • © Diário da Pikitim

Paris: dicas sobre transportes Paris fr

A rede de transportes de Paris é muito extensa e fácil de usar.

Não são precisos transfers nem autocarros turísticos para nada. Em Paris, fazemos como os parisienses: metemo-nos no comboio e no metro e chegamos a todo o lado. A melhor opção é comprar o passe Paris Visite, que permite viagens ilimitadas no metro, autocarros, elétricos e também no RER, a rede de comboios regionais, consoante o tipo de passe escolhido. Nós usamos o Paris Visite para 5 zonas, para poder apanhar, em Charles de Gaulle, o RER B até à Gare du Nord, e daqui apanhar o Metro 5 para sair na estação Republique.

A linha 5 acabou por ser a que mais usamos durante toda a estadia. Acabamos por não precisar de andar de autocarro nem de elétrico, mas isto é porque gostamos muito de andar a pé.

E gostamos de andar de bicicleta, pelo que achamos que o serviço de bicicletas para aluguel que se encontra por todo o lado seria uma ótima alternativa se a Pikitim fosse um pouco mais velha. O sistema Velib não disponibiliza bicicletas infantis, pelo que as bicicletas tandem que existem na já referida Paris a velo C'est Sympa são a melhor das alternativas.

A Pikitim delirou com a sua Giraffe.