Passeios Gastronómicos e enológicos

  • Cavaleiros frente as vinhas de Château-Chalon

    Cavaleiros frente as vinhas de Château-Chalon

    © Studio Vision/CDT Jura

  • Serie de garrafas (de vinho "jaune") numa cave

    Serie de garrafas (de vinho "jaune") numa cave

    © Denis Maraux/CDT Jura

  • Caves de afinação em Fort des Rousses

    Caves de afinação em Fort des Rousses

    © Studio Vision/CDT Jura

  • © Stéphane Godin/CDT Jura

Passeios Gastronómicos e enológicos Arbois fr


No cruzamento das estradas de Comté e do Roteiro Turístico dos Vinhos do Jura (9 Denominações de Origem Protegida para vinhos e queijos do Jura), cada um poderá descobrir as especialidades gastronómicas do Jura, com degustações em caves de vinho, visitas às queijarias, ou à mesa de um dos grandes chefes de cozinha.

Queijos do Jura

Os queijos do Jura são testemunhos da história e da cultura local. As três especialidades do Jura: ComtéMorbier e Bleu de Gex, oferecem aromas variados que seguem o fio das estações para dar aos gourmets a sensação de uma descoberta sempre renovada.

Mas não nos esquecemos da famosa Vaca que Ri®, da Cancoillotte ou ainda o queijo Raclette e Mont d’or que, como o Comté, são os reis de uma refeição de convívio.

Poderá visitar várias « fruitières » (cooperativas) e assistir à fabricação dos queijos.

Vinhas 

De Salins-les-Bains a Saint-Amour, as Vinhas do Jura surpreendem pela diversidade do seu património e da paisagem. Vários trilhos de caminhadas percorrem as colinas, as famosas «zonas remotas», com pequenas aldeias tradicionais, passando por locais classificados como Património Mundial da Unesco, como a Grande Salina de Salins-les-Bains.

Durante cerca de 80 quilómetros, as vinhas do Jura juntam-se à paisagem extraordinária, ao contacto de profissionais acolhedores onde poderá provar os 6 AOC dos Vinhos de Jura: Crémant, Macvin, Côtes du Jura, Château-Chalon, l’Etoile, et Arbois.

Em fevereiro de 2012, a vinha do Jura foi classificada como «Vignobles et Découvertes» (Vinha e Descoberta), atribuído pelo Ministério do Turismo e Agricultura. Esta distinção recompensa o destino pela sua oferta de produtos turísticos variados e complementares à produção de vinho.

 

Mais informações