Rhône-Alpes

Rhône-Alpes

A FRANÇA CULTURAL

Lyon, cidade Luz

À imagem de Veneza, de Santo Petersburgo e do Porto, Lyon faz parte do clube muito exclusivo dos grandes sítios urbanos classificados no património da UNESCO. É graças ao seu vasto conjunto arquitectural da Renascença, um dos mais importantes da Europa, que lhe valeu esta classificação. A Festa das Luzes, que se realiza cada ano durante 4 dias por volta de 8 de Dezembro, é uma ocasião única de descobrir a cidade e os seus monumentos que beneficiam de uma iluminação artística original. www.lyon-france.com e www.lumieres.lyon.fr

Arquitectura e design

A arquitectura lionesa é marcada por artistas famosos: Jean Nouvel restaurou a Ópera de Lyon, Renzo Piano edificou a Cité Internationale, Santiago Calavatra deu asas à estação TGV no aeroporto Saint Exupéry, e Daniel Buren arranjou a praça dos Terreaux.

Em Saint Etienne, o Museu de Arte Moderna (www.mam-st-etienne.fr), contém um espólio de mais de 15.000 obras de artistas como Picasso, Soulages, Léger, Dubuffet, Calder, Oldenbourg… E conjuntos consagrados à Le CorbusierA Cité du Design, uma plataforma de criação, motor de ensino e de investigação, abrirá as suas portas ao público em 2009 em Saint-Etienne. www.citedudesign.com

SABOREAR A FRANÇA – A HISTÓRIA DA GASTRONOMIA AO LONGO DA NACIONAL 7

Foi com os inícios do automóvel que a nacional 7, que liga Paris ao Mar Mediterrâneo, viveu suas horas de glória. O guia Michelin tornou-se a referência para a hotelaria e a restauração, e fez a fama dos estabelecimentos prestigiosos instalados ao longo do itinerário mítico...

Em Vienne, Patrick Henriroux concretizou um grande desafio no fim dos anos 80, restaura a Pirâmide, que Fernand Point tinha ilustrado. A aposta foi ganha com uma excelente cozinha que combina sabiamente tradição e modernidade (2 estrelas no guia Michelin), e uma bela ementa de vinhos de Côtes du Rhône.

Anne Sophie Pic, quando conseguiu sua 3ª estrela no Guia Michelin em 2007, juntou-se à Corte dos grandes, e fez honra aos seus antepassados, cozinheiros de geração em geração nos arredores da nacional 7, que homenageia com a abertura do Bistrot le 7, onde se pode provar uma cozinha delicada, acessível a todas as bolsas. Anne-Sophie Pic é actualmente a única mulher chefe em França que possui as 3 estrelas. www.pic-valence.com

Mas o chefe dos chefes permanece indubitavelmente o lionês Paul Bocuse. Com Três estrelas no guia Michelin desde há mais de 40 anos, continua a ter um grande sucesso e a levar a cozinha francesa e regional a um alto nível, através da organização do Bocuse d’Or cada 2 anos em Janeiro. Desde o fim de 2006, as Halles de Lyon, que concentram os mais talentosos fornecedores de produtos de excelência foram rebaptizadas “Halles de Lyon Paul Bocuse” em honra a este chefe carismático. http://hallesdelyon.free.fr

Os amadores nas cozinhasAs aulas de cozinha estão hoje em dia muito na moda, e Rhône-Alpes, com os seus 61 restaurantes estrelados (dos quais quatro com 3 estrelas), é o destino incontornável para experimentar ao lado dos grandes chefes: Nicolas Le Bec, a estrela ascendente Lionesa (2 estrelas no guia Michelin), investiu num espaço perto do seu restaurante em Lyon. Originalidade de ensino, são os alunos que escolhem por eles próprios, explorando o frigorífico, os produtos que querem preparar com material de cozinha de alta gama para amadores. www.nicolaslebec.com 

No Instituto Paul Bocuse, as aulas são dispensadas por professores prestigiosos, frequentemente entre os Melhores Trabalhadores de França www.institutpaulbocuse.com  Scook, a escola de Anne Sophie Pic, em Valence, abriu suas portas na primavera de 2008. www.scook.fr

O Lago de Annecy, o mais puro de Europa

O Lago de Annecy faz parte dos 5 grandes lagos pré-alpinos, que representam entre eles mais de 60% das águas “dormentes” francesas. O Lago de Annecy goza de uma notoriedade internacional e, no verão, amadores de marinha de recreio, praticantes de windsurf, nadadores, pescadores aproveitam as águas calmas que oscilam entre 22 e 24°C, através das 9 praias situadas à volta do Lago.

O Lago em festa

- « L’été du Lac d’Annecy », um dos maiores espectáculos pirotécnicos de Europa em Annecy, no primeiro domingo de Agosto. - Os « Pyroconcerts de Talloires », espectáculos musicais e pirotécnicos sobre água, no final de Agosto.www.lac-annecy.com

A FRANÇA SUAVEMENTE

Spa e gastronomia: o Spa Mosaïc de Georges Blanc em Vonnas (Ain)Aberto desde Setembro de 2006, este novo espaço de evasão, relaxamento e beleza é situado no famoso hotel restaurante de Georges Blanc (3 estrelas no guia Michelin). O conjunto compreende cabinas para os cuidados do corpo, um hammam, um Jacuzzi - Spa, uma sala de fitness, uma sala de relaxamento assim como uma piscina aquecida e lúdica (jorros, hidromassagem…). Este Spa situa-se num laranjal à antiga, um belo espaço luminoso largamente aberto sobre um parque exposto ao Sul. O SPA MOSAIC recebeu o SPA TROPHY 2009 aquando do último Congresso Internacional Relais & Châteaux, distinguindo-se assim entre os 146 estabelecimentos Relais & Châteaux dispondo de um SPA através de 28 países no mundo. www.georgesblanc.com

Spa e ambiente: o espaço bem-estar das termas de Montbrun les Bains (Drôme) Um novo espaço bem-estar e spa de 2000 m² abriu em Março de 2007 nas termas de Montbrun les Bains. Este estabelecimento, idealmente instalado na Drôme provençal, foi realizado em HQE (Haute Qualité Environnementale - Alta Qualidade Ambiental), por preocupação com aquecimento climático e com as poupanças de energia. Um sistema astucioso permite diminuir por metade o consumo em energia: uma bomba de calor recupera o calor das águas usadas do estabelecimento, o que permite assim limitar as rejeições de água quente no ambiente e cortar pela metade o consumo eléctrico do prédio. É uma estreia em França! www.valvital.eu/Villes/Montbrun-les-Bains/Accueil-Montbrun-les-Bains.html

Spa e canoagem: as gargantas da Ardèche

Em canoa, caiaque, ou rafting, a descida das gargantas de Ardèche é incontornável em Rhône-Alpes. O percurso, de 30 km, começa em Vallon-Pont-d'Arc até Chames através de incríveis gargantas, ladeadas de penhascos abruptos, que podem atingir até 300 metros de alto. Permitem descobrir, num dia para os mais desportivos, e num fim-de-semana para os contemplativos, este extraordinário sítio, classificado como reserva natural desde 1980. www.ardeche-guide.com

E para recuperar das emoções desportivas, nada como uma estadia em Rosières au mas Bleu, casa de campo provençal autêntica renovada, onde uma equipa qualificada propõe mais de trinta massagens diferentes: relaxamento, energia, vitalidade, ou beleza, assim como ateliês e estágios de formação. Um Spa com piscina exterior e jardim, um jacuzzi interno com banho de redemoinho e jet stream e um hammam oriental, completam este pequeno paraíso. www.lemasbleu.com