O evento Goût de France

O evento mundial « Goût de France » a 21 de março, para celebrar a gastronomia francesa

A fim de dar a conhecer melhor a gastronomia francesa a nível internacional, o Ministério francês dos Negócios Estrangeiros e do Desenvolvimento Internacional lançou pelo terceiro ano consecutivo, em colaboração com chefes mundialmente conhecidos, o projecto “Goût de France / Good France”.

Este evento reunirá, a 21 de Março de 2018, mais de 3000 chefes, da alta gastronomia ao bistro de qualidade que, nos cinco continentes, irão celebrar a gastronomia francesa. Em todos os restaurantes participantes, será servido um jantar, inspirado no “savoir faire” francês que prestará homenagem à excelência da cozinha francesa, à sua capacidade de inovação e aos valores que ela transmite: partilha, respeito pelo “comer bem”, pelos seus contemporâneos e pelo planeta.

Registro para Goût de / Good France 2018 agora está aberto para restaurantes no site www.goodfrance.com (Link externo)

Em 1912, Auguste Escoffier iniciava os ”jantares de Épicure” - o mesmo menu, no mesmo dia, em várias cidades do mundo e para o maior número de convidados -. Goût de France desenvolve esta bela ideia com a vontade de juntar todas as categorias de restaurantes em todo o mundo. Este evento internacional, que contribui para a divulgação da cultura gastronómica francesa no mundo, realizou a sua primeira edição a 19 de Março de 2015, na sequência da inscrição da gastronomia francesa no património mundial da UNESCO.

lllllllllllllllllllllllllllllll

O evento “Goût de France” em Portugal, são 32 restaurantes que irão participar neste evento

Além disso, a Embaixada de França e o Instituto Francês de Portugal organizam, na semana de 20 a 24 de Março de 2017, os eventos “Sabores de França em Festa” no âmbito do evento mundial “Goût de France”.

Porque os Sabores de França Transmitem-se…

Organizámos um Concurso gastronómico nas Escolas de Hotelaria de Lisboa, de Coimbra (que participa neste concurso pela primeira vez!) e do Porto com o apoio dos grupos Auchan, Air France e Pernod-Ricard.

Os júris reúnem-se no dia 9 de Março para escolher os menus vencedores e os prémios (bilhetes de avião ida e vota para Paris pela Air France; garrafas de Champagne Mumm e vales de compras do Jumbo no valor de 100 Euros) serão entregues aos alunos distinguidos na escola de Hotelaria e de Turismo de Lisboa, a 23 de Março, às 15h00, contando, possivelmente, com a presença da Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho e do Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo. Entre os dias 21 e 24 de Março os restaurantes dessas escolas servirão os menus franceses vencedores.

Porque os Sabores de França partilham-se…

Dia 20 de Março, na Embaixada das 18h30 às 21h30 organizamos uma conferência/degustação sobre a gastronomia da região de Lyon: “Trésors gastronomiques de la région lyonnaise : quelques exemples à (re)découvrir et à déguster”.

120 pessoas assistirão com prazer, intelectual e gustativo, a esta conferência seguida de um jantar/degustação (entrada paga) dos produtos mais famosas da região de Lyon (especialmente os queijos, as charcutarias e os vinhos).

Oradores:

Mouette Barboff, Doutorada em etnologia-antropologia social, especialista da cultura culinária em França e na Europa;

Com a participação de :

Philippe Hamond, que apresentará a charcutaria da loja “Bobosse” (Lyon);

Jean-Luc Cid, da loja “La Pétillante” que apresentará os vinhos e os queijos da região;

Julien Letartre, da loja “Kayser”, que apresentará os pães e as sobremesas para acompanhar a degustação.

O nosso parceiro deste ano : Fruta Feia

O principal objectivo da Fruta Feia é reduzir as toneladas de alimentos de qualidade que são devolvidos à terra todos os anos pelos agricultores e com isso evitar também o gasto desnecessário dos recursos usados na sua produção, como a água, as terras cultiváveis, a energia e o tempo de trabalho. Ao alterar padrões de consumo, este projecto pretende que no futuro sejam comercializados de forma igual todos os produtos hortofrutícolas com qualidade, independentemente do tamanho, cor e formato. Como impactos paralelos estão a consciencialização da população para a problemática do desperdício alimentar e para o facto de que alimentos feios não são lixo, e também a possibilidade de consumir produtos da época e da região a um preço mais baixo.

Um prémio de 15 000 euros foi atribuído à Fruta Feia no âmbito da iniciativa «100 projets pour le climat», desenvolvido pelo Ministério francês da Ecologia no âmbito da COP 21 e das acções da França pela luta contra as alterações climáticas e pelo desenvolvimento sustentável.

«Cerca de metade da comida produzida no mundo cada ano vai para o lixo. Segundo a FAO, o actual desperdício alimentar nos países industrializados ascende a 1,3 mil milhões de toneladas por ano, suficientes para alimentar as cerca de 925 milhões de pessoas que todos os dias passam fome. Este desperdício tem consequências não apenas éticas mas também ambientais, já que envolve o gasto desnecessário dos recursos usados na sua produção (como terrenos, energia e água) e a emissão de dióxido de carbono e metano resultante da decomposição dos alimentos que não são consumidos. Só em Portugal são desperdiçadas um milhão de toneladas de alimentos por ano - 17% do que é produzido pelo país - de acordo com as conclusões do PERDA apresentadas em Dezembro de 2012.Os motivos para este desperdício são vários e ocorrem ao longo de toda a cadeia agroalimentar. Modelos de produção intensivos, condições inadequadas de armazenamento e transporte, adopção de prazos de validade demasiado apertados e promoções que encorajam os consumidores a comprar em excesso, são algumas das causas que contribuem para o enorme desperdício actual. Outro problema é a preferência dos canais habituais de distribuição por frutas e legumes “perfeitos” em termos de formato, cor e calibre que acaba por restringir o consumo aos alimentos que respeitam determinadas normas estéticas. Esta exigência resulta num desperdício de cerca de 30% do que é produzido pelos agricultores. »

Este prémio de 15 000 euros será entregue à Fruta Feia pelo Embaixador Jean-Michel Casa durante uma recepção de agradecimento aos nossos parceiros “Goût de France” e do sector do turismo em Portugal, dia 22 de Março, na residência de France.

-->

Ir mais
longe