Jóia do Renascimento: o Castelo de Azay-le-Rideau

Ao se referir ao Castelo de Azay-le-Rideau, Balzac costumava dizer: “Ele é um diamante encravado no Indre”. Construído em uma ilha, no meio do Indre, ele mostra todo o refinamento e a elegância da primeira Renascença francesa e de suas influências italianas.