Os vinhedos mais bonitos da França em apenas alguns cliques

Vontade de conhecer as principais rotas do vinho na França? Conheça, em poucos cliques, os vinhedos que guardam os mais preciosos néctares, descubra os segredos das caves de Champagne, escute as histórias de terroir de Bordeaux ou abra a porta de uma cave provençal onde se preparam vinhos dos deuses… Aqui estão as chaves para suas próximas viagens às origens dos vinhos franceses.

Champagne : Descobrimos os segredos das melhores caves

Que tal um mergulho nas galerias das caves de Champagne? Com sua visita imersiva em 360º, a Casa Perrier-Jouët revela os segredos de uma construção inspirada pela Belle Époque, das terras paradisíacas de Chardonnay, e da cave dedicada aos velhos “millésimes”. Na Casa Bollinger, abrimos (virtualmente) os portões para um tesouro: a Galeria 1829, uma enoteca de vinhos antigos encontrados em 2010 numa cave abandonada. O mais antigo data de 1830, um ano após a fundação da casa! E agora que tal degustar uma bebida tão tradicional da região que levou o nome dela para o mundo? Um pouco da verdadeira champagne francesa! Com “À la Française! Champagne”, não deixe de explorar a região, e conhecer os circuitos locais em torno da arte de viver bem, em uma hora de visita virtual e interativa e com um guia especialista. O túmulo de Dom Pérignon, o pai do método conhecido como la méthode champenoise em Hautvillers, a catedral de Reims e seus vitrais dedicados à arte do vinho, as vistas aéreas da avenida do Champagne em Epernay ou as visita de caves feitas com a enxada de um pequeno produtor… é como se estivéssemos realmente ali vendo tudo isso.

Visita imersiva da Casa Perrier-Jouët (Link externo)
A Galeria 1829 da Casa Bollinger (Link externo)

Bordelais: as confidências de quem realmente ama um bom vinho

Você sabe por que os vinhos de Bordeaux são tão especiais? Escute os produtores de vinho da cidade, eles contarão a história de suas vinícolas nos podcasts do percurso permanente da Cidade do Vinho em Bordeaux. Ouça esses segredos em forma de degustação antes de descobrir esse espaço único dedicado às civilizações do vinho. Impossível resistir ao convite de abrir a porta de um dos castelos da região: o Cos d’Estournel, também conhecido como le Maharadjah de Saint-Estèphe. Dê um passeio imersivo pelo extravagante castelo oriental edificado como um “chai” - local destinado à vinificação e conservação do vinho. Veja a imensa sala dos tanques de vinho, o “chai” com seus barris e seus salões de degustação : sinta-se em casa!

Podcasts da Cidade do Vinho (Cité du Vin) (Link externo)
Visita virtual do Cos d’Estournel (Link externo)

Borgonha: conheça a arte de unir estilo gótico e os melhores vinhos

Você quer muito conhecer as rotas dos vinhos de Borgonha? Em apenas alguns cliques de visita virtual, tenha a chance de passear pelas fachadas góticas flamboyants do Hôtel-Dieu, o antigo Hospital de Beaune, de explorar as caves do Castelo de Meursault ou de dar uma volta pela colina de Corton na rota dos grands crus, os melhores vinhos da região. Mas antes de partir, reforce seus conhecimentos em um programa de formação online: quatro módulos temáticos e lúdicos de 90 minutos e termine com o título de embaixador dos vinhos! Complete sua formação com um pequeno filme de 8 minutos que mostra como a geologia contribuiu para criar os 1247 micro-terroirs de Borgonha chamados de “climas”.

Visitas panorâmicas (Link externo)
Formação sobre os vinhos de Borgonha (Link externo)
Filme "A Borgonha, berço do terroir" (Link externo)

Provence : rosé, tinto ou branco, reveja sua paleta de cores

A luz intensa, o canto das cigarras, o frescor de uma taça de vinho numa noite de verão… que tal? Este é o cenário, do “eno-vídeo-aperitivo” organizado por Madeleine, do Castelo de Barbebelle, um dos mais antigos produtores de vinho da região de Aix-en-Provence. É a ocasião de se iniciar nos segredos do rosé, o vinho icônico do verão na Provence. Mas sabia que também existem vinhos vermelhos e brancos na região ? Coloque seus óculos de realidade virtual para uma visita ao Clos de l’Oratoire des Papes nas caves trogloditas em que nasceu o vinho especial Chorégies em homenagem ao festival lírico dos Chorégies d’Orange. Uma grande arte, é claro! E para assistir às colheitas ao vivo, veja um vídeo de “França em imersão”, nova plataforma de visita de empresas: no castelo Gigognan, onde é produzido o vinho Châteauneuf-du-Pape, descubra tudo sobre os vinhedos e o “chai”, e conheça todas as etapas de fabricação do vinho!

"Eno-vídeo-aperitivo" do Castelo Barbebelle (Link externo)
Visite o Clos de l’Oratoire des Papes (Link externo)
França em imersão (Link externo)

Alsácia : uma rota dos vinhos com um pouco mais de altitutde

Na Alsácia, quem fala rota de vinho fala vilarejos floridos, casas da Idade Média, castelos protegidos e encostas vertiginosas. Para ter um tira-gosto dessas paisagens deslumbrantes, passeie pelos caminhos estreitos do vinhedo de Guebwiller, entre florestas e vinhas nas encostas da colina. Quer continuar? Explore a visão panorâmica de um dos mais lindos vilarejos da França, Eguishem, ao redor de seu castelo e no meio dos vinhedos. E, claro, não deixe de abrir a porta de uma autêntica Casa Vinícola, em Mittelbergheim: a Casa Boeckel, ativa já há 5 gerações.

Visita virtual dos vinhedos de Guebwiller (Link externo)
Visita virtual de Eguishem (Link externo)
Visita virtual da Casa Boeckel (Link externo)

Val de Loire : brinque com os vinhos de Sancerre

Enquanto aguardamos sua reabertura na primavera, a Casa dos Sancerre faz um convite para dois divertidos jogos de Escape: é da cave ou do escritório de um produtor de vinho virtual que você vai precisar escapar! Venha brincar com os aromas de morango, café e manteiga ou as listas de cepas francesas, com as pistas ou testes durante uma degustação… E para aprofundar seus conhecimentos de vinhos do Loire, corra para visitar virtualmente o Domínio dos grandes vinhedos ao sul de Angers e seus 55 hectares explorados de forma orgânica e biodinâmica, ou ainda a Casa Langlois-Château em Saumur. O mais impressionante? As caves de tuffeau (um tipo específico de pedra calcária) indispensáveis à efervescência dos vinhos com pouca espuma produzidos com o nome Crémant-de-Loire.

Jogo de Escape Na Casa dos Sancerre (Link externo)
Domínio dos Grandes Vinhedos (Link externo)
Visita virtual do Langlois-Chateau (Link externo)

Ir mais
longe